Dunkelweizen

 
             
    A Dunkelweizen é uma versão moderadamente escura da normal Weissbier ou Weizenbier. Assim como a Hefeweizen, ela é feita de uma mistura de maltes de trigo (no mínimo 50%) e cevada, mas ao contrário de uma Weissbier, ela também contém uma grande porção de maltes de levemente a significativamente caramelizados ou torrados, que dá tanto a sua cor quanto a sua complexidade. Portanto, uma Dunkelweizen tem todos os flavores característicos e diferenciados de uma sofisticada ale de trigo (cravo, baunilha, banana, maçã, goma de mascar e às vezes noz-moscada), acrescidos de flavores achocolatados à torrados. É um estilo muito complexo de cerveja com infindáveis variações no mesmo tema. A Schneider Weisse está a meio caminho entre uma Weiss comum e uma Dunkel.
 

Características

    As Dunkel Weizenbiers/Weissbiers vão de acobreado-marrom para muito escuro. Se servida com aparência levedura pode apropriadamente ser muito nublada. Os flavores fenólicos e de ésteres típicos das Weissbier são mais moderadas nas Dunkelweizen. Este estilo de cerveja é caracterizado pelo uso de maltes de cevada escuros ​​em conjunto com maltes escurecedores, dando um caráter distinto de maltado doce, achocolatado de malte torrado. Elas devem ser bem atenuadas e muito altamente gaseificadas. O corpo vai de médio a encorpado.

    Atualmente, temos no mercado brasileiro: Franziskaner Dunkel, Paulaner Dunkel, Erdinger Dunkel, etc.

    Parâmetros Básicos: 4,3-5,6% álcool em vol.; IBU=10-18 (flavor do lúpulo é não perceptível, com amargor baixo); SRM=14-23 (cor de acobreado a marrom).