Comentários da crítica

 

         Henrique meu filho, Gabriela minha filha, eu, Luiza minha neta e Marie minha esposa
 
 

"Mon ami, muito obrigado pelo belíssimo livro de queijo. Quis te pegar num erro referente à Bélgica e o seu excelente queijo Herve. Mas estava tudo certo, pois conheço muito bem esse queijo. Durante a Guerra Mundial II, meus pais afinavam esse queijo e com os 10% de lucro, trocavam por comida. E eu o comi, em grandes quantidades, durante uns 4 anos."

Jacques Tréfois, um dos maiores gastrônomos do mundo, respeitado por inúmeros chefs estrelados europeus e brasileiros, em um e-mail de 5 de Dezembro de 2015.

 

"Especialista em vinhos, da importadora Mistral, certo dia, José Osvaldo Albano do Amarante ouviu um amigo dizer: "O Amarante é meu sonho de consumo". Na verdade, o amigo era ninguém menos que o saudoso crítico de gastronomia Saul Galvão (1942-2009), referindo-se ao universo de Amarante que o deleitava: o mundo dos queijos.Pesquisador incansável do tema, ... obra pode ser resumida na conhecida frase "tudo o que você queria saber sobre..."

J. A. Dias Lopes, jornalista, na revista Gosto de Dezembro de 2015.

 

"Depois de quatro décadas de provas e anotações, (Amarante) reuniu o material em livro. Queijos do Brasil e do mundo – para iniciantes e apreciadores acaba de chegar às livrarias. É um trabalho de fôlego que traz informações interessantes tanto para quem está descobrindo agora a graça dos queijos como para quem gosta mas quer aprender mais."

Patrícia Ferraz, jornalista, no caderno Paladar do Jornal OESP de 19 de Novembro de 2015.

 

 "O incansável Amarante fala de Queijos. Há pessoas pelas quais tenho grande admiração. O José Osvaldo Albano do Amarante é um deles. Modesto, amigo de seus amigos, sempre pronto a contar o que sabe, sempre sincero. São qualidades que admiro e que não são comuns, lamentavelmente. Amarante é uma das maiores autoridades no assunto Vinho, com diversos livros publicados (eu sempre recomendo o Livro dele a quem me pede dicas: Vinho para Iniciantes e Iniciados), agora lança um livro sobre outra paixão sua: Queijos."

Didú Russo, jornalista, no Blog do Didú de 14 de Novembro de 2015.

 

"Amarante: o mestre dos vinhos se revela um baita conhecedor de queijos.

Para Amarante, comida e bebida são, claro, fonte de muito prazer, mas também assunto sério, muito sério. Em especial o vinho e o queijo, onde dedicação, estudo e organização harmonizam com serviço e muita informação de qualidade. O livro, fruto das experiências e da vivência do autor no mundo dos queijos que começa na década de 1970, é uma obra de referência que pode ser lida em ordem cronológica. Mas passados os capítulos iniciais, mais enciclopédicos, talvez o leitor seja atraído para aqueles de maior interesse particular, como por exemplo, os dos queijos brasileiros. O livro tem aquela pegada que responde todas as suas dúvidas sobre sobre queijos e serve tanto como um manual na hora de decidir uma compra como uma bússola para navegar pelo universo dos queijos de todo o mundo: dá norte e segurança na viagem. Tá na dúvida na escolha do próximo queijo? Seus problemas se acabaram-se!"

Roberto Gerosa, jornalista, no Blog do Vinho por Beto Gerosa de 21 de Novembro de 2015.