MARCOS DA HUMANIDADE

 

           

 

Formação do Universo

- 13,7 bilhões a.a.: Big Bang

- (10-32 seg depois): Universo é uma sopa quente (1027 ºC), de elétrons, quarks e outras partículas, onde a energia começa a transformar-se em matéria

- (10-6 seg depois): Rápido resfriamento do cosmos (1013º C), permite que os quarks se transformem em protons e neutrons

- (3 min depois): Universo é ainda tão quente (108 ºC), que impede que os átomos se formem e que a luz ainda não brilhe

- (380 mil anos depois): Universo ainda é muito quente (10.000ºC), mas já permite que protons e neutrons formem átomos, principalmente de hidrogênio e hélio. A luz finalmente se liberta, encerrando a fase de universo escuro

- (1 bilhão anos depois): Universo resfria-se (-200ºC) e a gravidade faz com que os gases hidrogênio e hélio se transformem em estrelas e galáxias

- 5,7 bilhões a.a. (8 bilhões anos depois): Universo com a temperatura perto da atual (-270ºC). As primeiras estrelas morrem e expelem elementos pesados no espaço, que formam então novas estrelas e planetas

 

Formação da Terra e da Vida

- 4,65 bilhões a.a. {Pré-cambiano, 4,65-0,57 baa}: Formação do sistema solar e da terra

- 3,5 bilhões a.a.: Aparecimento das primeiras formas primitivas de vida

- 400 milhões a.a. {Paleozóica/Siluriano, 440-395 kmaa}: A vida terrestre emerge dos mares

- 280 milhões a.a. {Paleozóica/Permiano, 280-225 kmaa}: Formação do supercontinente Pangéia, com a união dos blocos continentais

- 225 milhões a.a. {Mesozóica/Triássico, 225-195 kmaa}: Surgimento dos dinossauros e da classe dos mamíferos

- 195 milhões a.a. {Mesozóica/Jurássico, 195-136 kmaa}: Fragmentação da Pangéia nos continentes atuais

- 195-136 milhões a.a.: Reinado dos dinossauros

- 136 milhões a.a. {Mesozóica/Cretáceo, 136-65 kmaa}: Surgimento da ordem dos primatas

- 65 milhões a.a.: Extinção dos dinossauros devido à um choque de cometa