Degustação de Corton-Charlemagne

15/03/2016 00:00

Em março de 2016, a Confraria do Amarante (a minha outra, mais nova que o Grupo Amarante) realizou uma prova com 6 Corton-Charlemagne, um Grand Cru borgonhês e um dos expoentes máximos da casta Chardonnay. Veja abaixo a ordenação de preferência do grupo e as minhas respectivas notas:

 

Vinhos                                                                      Notas JOA

1º Corton-Charlemagne 2009 (Joseph Drouhin) -

     com 4 votos de 1º                                                  96

2º Corton-Charlemagne 2009 (Dom. Montille) -

    com 2 votos de 1º                                                   94

3º Corton-Charlemagne 2004 (Louis Jadot)                    93

     Corton-Charlemagne 2011 (Charton & Trébuchet)     92,5 

5º Corton-Charlemagne 2008 (Bertrand Amboise)          95

6º Corton-Charlemagne 2008 (Camile Giroud)                92,5

 

Comentários: Como esperado a degustação foi acima da média. Os Corton-Charlemagne, os meus brancos borgonheses prediletos, mostraram-se como deviam. Todos eles estavam densos e aveludados, com vivaz acidez, minerais, complexos concentrados e com longo retrogosto. Outra conclusão que pode-se tirar analisando o resultado da prova, é a influência da safra: os dois melhores colocados foram da colheita de 2009, ao passo que os dois últimos eram do ano de 2008. Você que é um grande amante de ótimos brancos, não deve deixar de experimentar um Corton-Charlemagne de uma ótima vinícola!