Degustação de Supertintos Chilenos

11/02/2011 00:00

Beber tintos chilenos de primeira linha vem se tornando, ultimamente, um grande prazer. Com este intuito, a Confrarina, na degustação às cegas de fevereiro de 2011, resolveu testar 5 destes supertintos. As notas deles foram as abaixo:

 

Vinhos                                                 Grupo        JOA

1º Montes Alpha “M” 2006                       93,3           94

2º Don Maximiano 2006, Errazuriz            92,8          93

3º Clos Apalta 2007, Casa Lapostolle         91,8          92,5

4º Almaviva 2006                                    91,7          91,5

5º Suyai 2007, Terra Andina                     90,9          91

 

Comentários: Para os que ainda não conhecem o Montes Alpha “M”, sugiro que o provem. Em quase todas as degustações que ele participa, ele se destaca enormemente. Como dizia meu saudoso amigo Saul Galvão, é o mais francês dos grandes tintos chilenos. O da safra de 2006 é de uma mescla, bem bordalesa, de Cabernet Sauvignon (80%), Cabernet Franc (10%), Merlot (5%) e Petit Verdot (5%). As uvas vem do vinhedo de Apalta, no Valle de Colchagua. Maturou por 18 meses em barricas de carvalho novo francês. O seus pontos altos são a fineza, a harmonia, a elegância e a complexidade.