Branco (Phaseolus vulgaris)

 

 

        Pena que o feijão Branco, uma variedade de excelente sabor, não possua um mercado muito grande no Brasil, ao contrário da Europa. A maior parte dele ainda é importada da Argentina. Está classificado no grupo especial, apresentando grãos graúdos e alongados, e coloração branco marfim. Apresenta paladar com notas adocicadas e terrosas, dando uma textura bastante cremosa tanto no caldo, quanto no grão. O chef Ivan Achcar , do restaurant Casa da Fazenda do Morumbi, relembra que é o mais difícil de cozinhar, pois o grão se rompe rapidamente durante o cozimento. São mais utilizados no preparo de saladas, devendo, neste caso, serem cozidos mais al dente. Na Europa, é muito usado no preparo de cassoulet e em cozidos de frutos do mar, quando os grãos devem ficar mais macios, desmanchando-se na boca.

        Produtores: Camil, Bijú / Josapar, Yoki, Combrasil